PZ Soluções Interativas | Criação de sites

7 dicas de gestão de crise para aplicar no seu negócio

Você está aqui:

Uma boa gestão de crise é fundamental para qualquer empresa, principalmente tendo em vista o momento atual que estamos vivendo.

O novo coronavírus abriu as portas para uma das maiores recessões econômicas que o mundo vai presenciar, portanto, este é o momento de se planejar para não perder o foco e colocar tudo a perder.

Mesmo que nada disso estivesse acontecendo e as empresas estivessem vivendo um ótimo momento, é sempre importante estar preparado para um imprevisto e situações mais complicadas.

É exatamente pela falta de preparo para essas situações que muitas empresas estão em desespero neste momento. Ter em mãos boas soluções embasadas em possibilidades é essencial para enfrentar qualquer tipo de conflito.

Para isso, é fundamental mapear possíveis situações difíceis. Com certeza, ninguém imaginava que além de lidarmos com tantos problemas econômicos teríamos de enfrentar uma pandemia nessas proporções.

No entanto, ela está aí e as gigantes do mercado já estavam prontas. Isso não é adivinhação, mas sim um pensamento estratégico que precisa fazer parte de qualquer organização, inclusive os pequenos negócios.

Por isso, neste artigo, reunimos as principais dicas para enfrentar a crise atual e sair bem dela.

Como uma crise pode impactar os negócios?

Boa parte das pequenas e médias empresas vai sofrer impactos negativos por conta do novo coronavírus. Isso acontece, porque a maioria não possui uma reserva financeira para manter suas obrigações e sobreviver.

Este é o primeiro impacto causado por uma crise, mas além dele, existem as incertezas trazidas que podem abalar não apenas o lado financeiro, como também a qualidade dos produtos e serviços oferecidos.

No entanto, isso também pode trazer oportunidades para as empresas. Tudo porque essa situação obriga os empresários a pensarem no que pode ser feito de diferente.

Eles descobrem erros e falhas cometidos até ali, além de identificarem gastos e desperdícios com mais facilidade. Só que os impactos financeiros se sobressaem e podem levar esses negócios à falência.

Tendo isso em mente, uma empresa de conciliação cartão de crédito, por exemplo, precisa se apoiar em algumas estratégias que vão, além de ajudá-la a sobreviver em meio à crise, fazer com que ela permaneça estável após esse momento ruim.

Gestão de crise para negócios

Dicas para superar a crise

Por meio de uma boa estratégia de gestão de crise, os negócios conseguem lidar com esse momento. 

Além disso, conseguem encontrar soluções para reverter o quadro e encantar clientes. Dentre as principais estratégias estão:

1 – Aumentar o tempo de planejamento

É importante fazer um planejamento que englobe mais tempo do que o comum. Não sabemos até quando a pandemia vai durar, ainda mais considerando as possibilidades de uma segunda onda de contaminações.

Por isso, é fundamental estender esse planejamento para um período maior. Com isso em mente, uma desenvolvedora de sistema para restaurante precisa fazer um estudo de mercado considerando seus principais concorrentes.

É preciso focar nas crises que eles enfrentaram nos últimos tempos e como fizeram para superá-las. Após isso, é importante reunir a equipe para montar um planejamento de contenção.

Pensem nas várias hipóteses que podem acontecer e como poderiam lidar com elas da melhor maneira. 

Para que tudo saia perfeitamente bem, todas as áreas da empresa devem estar reunidas para não correr o risco de falhas na comunicação.

O planejamento deve estar focado em manter a segurança, bem como a empresa durante esse período de desequilíbrio. 

Por isso, essa empresa que também desenvolve sistema para loja de roupas precisa incluir no planejamento:

  • Recursos financeiros;
  • Recursos tecnológicos;
  • Recursos humanos;
  • Ações de marketing.

2 – Agir com rapidez

Quando uma crise grave atinge uma empresa, é importante que o gestor respire e pense com calma, afinal, agir com nervosismo não resolve nada. No entanto, esse momento de reflexão não deve durar muito tempo.

É importante ser ágil na gestão de um momento crítico, pois isso faz toda a diferença para os negócios. Então, neste momento, mais uma vez, é um bom planejamento que vai ajudar.

Ele vai auxiliar uma empresa de aluguel de impressoras, por exemplo, no momento de colocar em prática as soluções pensadas anteriormente.

Portanto, gestor e equipe precisam estar preparados para agir rapidamente e correr contra o tempo. Além disso, devem ser rápidos para entender o problema, para que seja possível oferecer a melhor resposta.

3 – Posicionar-se diante da crise

É muito importante que a empresa se posicione diante de uma crise. Isso significa que nesses momentos é importante mostrar a opinião da organização e de que maneira ela enfrentará a situação.

Portanto, mais do que colocar em prática um plano de contenção ou a superação de um problema, é importante falar sobre ele.

O negócio ganha mais respeito e credibilidade do público, além de conquistar novos clientes com mais facilidade. Inclusive, aqueles que também estão sendo afetados pela crise podem ser cativados por essas ações.

Portanto, uma empresa voltada ao aluguel de notebook precisa mostrar para o público que ela está ali e que está pronta para resolver essa questão, além de superar o momento de dificuldade.

4 – Continuar as atividades

Mesmo enfrentando uma grave crise, seja por fatores internos ou externos, os setores do negócio precisam continuar trabalhando. Isso porque, ao parar uma ou mais áreas da empresa, a crise tende a aumentar.

Por isso, é importante destinar uma parte da equipe para continuar normalmente as atividades. Enquanto isso, outros colaboradores se concentram nas possíveis estratégias e planejamento de solução.

Tal ação traz um impacto positivo de equilíbrio e bons resultados. Além disso, melhora a imagem dos negócios no mercado, pois mostra que ele tem conhecimento para lidar com situações complicadas.

5 – Treinamento de equipe

É importante que as equipes estejam em treinamento constante. Em época de pandemia, isso pode ser realizado remotamente. Ou seja, mesmo estando em casa, os colaboradores podem reciclar seus conhecimentos.

Essa capacitação permite mais agilidade para a realização das tarefas e é muito importante para que os colaboradores tenham um bom desempenho home office, por exemplo.

Dessa forma, eles ficam sabendo tudo sobre a empresa, desde sua missão, visão e valores até serviços que ela continuamente precisa e pesquisa, como digitalização de documentos preço.

Ademais, os treinamentos aumentam o engajamento dos funcionários, além de elevar a motivação. Portanto, todos vão trabalhar com afinco para superar o momento atual.

6 – Estar atento aos colaboradores

Também é fundamental que, durante um período de crise, a empresa dê atenção aos seus funcionários. Estes momentos de incerteza podem gerar muitas dúvidas, que devem ser prontamente respondidas.

Além disso, é fundamental realizar reuniões periódicas para trocar ideias e informações. Para as empresas que estão trabalhando home office, essas reuniões também podem ser realizadas remotamente, assim como os treinamentos.

Crises provocadas pelo ambiente externo, como a do COVID-19, nunca devem afetar o ambiente interno da organização.

Sendo assim, é fundamental manter a equipe cada vez mais unida, mostrando aos colaboradores que a opinião deles, bem como o trabalho têm valor para os negócios.

7 – Ter empatia

A pandemia afetou a todos, desde oficinas mecânicas, passando por lojas de grife até empresas de entreposto aduaneiro. Sendo assim, é fundamental ter e demonstrar empatia por clientes e funcionários.

Isso melhora a imagem e possibilita uma superação mais humana. Também é fundamental que a empresa possa se colocar no lugar das outras pessoas, pois dessa forma ela consegue enxergar novas possibilidades para enfrentar o momento.

Dica extra: Investir em ações pós-crise

A crise vai passar, por isso, é fundamental pensar nas ações futuras. Uma das melhores estratégias é manter uma boa comunicação com os clientes, para garantir um vínculo maior com eles.

Portanto, equipes de venda e atendimento de uma empresa de sistema de gestão ERP, por exemplo, devem estar sempre apostos para atender o consumidor.

Dessa maneira, é importante trabalhar com diversos canais de comunicação, como telefone, e-mail, SMS, aplicativo de mensagem, redes sociais, etc. Também é uma boa estratégia oferecer descontos em alguns produtos e serviços.

Em relação à parte administrativa, reuniões para analisar o período de crise, bem como outras ações são muito importantes. Isso ajudará a trazer visões mais objetivas, caso aconteça novamente.

Conclusão

Com pandemia ou sem pandemia as crises existem e elas podem vir de todos os lados. É parte fundamental das organizações que elas possuam planos de contingência para superarem o momento, além de continuarem ativas no mercado.

O momento atual está deixando muitas lições, então aprendê-las é o melhor caminho para superar qualquer obstáculo. 

Importante lembrar, que tudo serve como aprendizado. Depois de uma grande crise, sua empresa estará preparada para outros possíveis obstáculos.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Serviços relacionados à

7 dicas de gestão de crise para aplicar no seu negócio

Mais visitados:

Tags usadas:

7 dicas de gestão de crise para aplicar no seu negócio

É um texto de direito reservado. Sua reprodução, parcial ou total, mesmo citando nossos links, é proibida sem a autorização do autor. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal. – Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais.